quarta-feira, 25 de junho de 2014

Bolsas de estudo para The American School of São Paulo


GRADED, The American School of São Paulo, ou Escola Graduada de São Paulo, foi fundada em 1920 e oferece um programa educativo do ensino infantil (Lower School) ao ensino médio (High School) para alunos de todas as nacionalidades. 


A GRADED tem um currículo internacional que prepara os alunos para entrar em universidades nos E.U.A., Brasil e outros países em todo o mundo. 
Recentemente recebi informações sobre seu programa de bolsas de estudo para alunos talentosos mas economicamente desfavorecidos, que achei excelente e que compartilho abaixo com vocês. 

"O Programa de Bolsas de Estudo da Escola Graduada desenvolve líderes globais em meio a alunos brasileiros talentosos, economicamente desfavorecidos, ao promover acesso a uma das principais escolas internacionais do mundo.
Ficaremos felizes em receber candidatos matriculados nos sexto e sétimo anos, com perfil acadêmico excelente e conhecimento oral e escrito das línguas inglesa e portuguesa.
Os candidatos deverão corresponder à alta demanda acadêmica da escola,  adicionar à comunidade da Graduada e possuir renda familiar de, no máximo, 10 (dez) salários mínimos. Aqueles que forem selecionados também deverão se submeter a testes, entrevistas e enviar uma lista de documentos.  Maiores informações: clique aqui".



.

2 comentários:

Anônimo disse...

Excelente iniciativa.Poderia ser também no Rio de Janeiro.Tais instituições deveriam permitir que pais selecionados na classe média pagassem um valor simbólico de R$500,00 para que o restante fosse custeado por um fundo financeiro a título complementar de bolsa de estudos. Quero ressaltar que não tenho nada contra a classe pobre e qualquer ajuda é bem vinda.Entretanto, nunca tem verba para o incentivo da classe média que também deve ser apoiada.Os EUA cresceram pela política governamental e também de instituições privadas que apoiaram a classe média transformando o país e colocando-o na ponta do mundo.Quando a classe média cresce alavanca a classe pobre.Quando somente ajudam-se os pobres os resultados gerais custam mais tempo para serem alcançados.Os governos deveriam saber disto,bem como entidades empresariais, educacionais,etc.Estas escolas deveriam notar que a classe média também não tem condições financeiras para pagar os valores médios de R$2000,00 mensais para que seus filhos estudem nestas instituições.E deveriam saber que o critério não deveria ser apenas a questão de escolherem pessoas da classe pobre.Existem famílias na classe média em que os pais tem perfil global,ou seja,mente aberta sem preconceitos contra outros povos e antenados e preparados para uma jornada como esta pois possuem os fatores globais da boa interação entre os povos por se considerarem cidadãos do mundo e não apenas brasileiros.A perspicácia destes pais só não gera o resultado pela falta de recursos financeiros.É uma pena pois é necessário que existam pais gabaritados para em casa orientarem os seus filhos de forma compatível com a ajuda recebida.Fator este o mais relevante na questão.No Brasil o governo cria cotas ,utiliza o que sobra do desvio para ajudar a classe pobre e deixa a classe média sem assistência para melhorar.Cabendo a classe média arcar com tudo,tais como:impostos ,saúde educação,etc.E muitas das vezes não sobram recursos para colocarmos nossos filhos nestas instituições.A classe média não consegue subir de classe e está em extinção no Brasil.As autoridades deveriam saber que para que os países sejam desenvolvidos a maior classe social existente deve ser a classe média com todo o tipo de suporte possível.É assim no Canadá,Suécia,Estados Unidos da América,etc.É a classe média que segura os solavancos da economia e salva os países.Com o caminhar para a extinção imaginem o futuro do Brasil.....Wildney Marcus de Azevedo Silva

Fabi Oliveira disse...

Olá, Claudia. Muito obrigada pela divulgação!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...